Estudos bíblicos diáriosDevocionais
BUSCA POR DEVOCIONAIS
PALAVRA-CHAVE
AUTOR
TÍTULO
BASE BÍBLICA
DATA DE PUBLICAÇÃO
Entre
e
POR ORDEM ALFABÉTICA
A B C D E F G H I J K L M N
O P Q R S T U V W X Y Z #

Devocionais

Pr. Olavo Feijó
 Gotas Bíblicas

Pregar A Jesus, No Tempo De Jesus

  |  Pr. Olavo Feijó

Lucas 4:41 - E também de muitos saíam demônios, clamando e dizendo: Tu és o Cristo, o Filho de Deus. E ele, repreendendo-os, não os deixava falar, pois sabiam que ele era o Cristo.

Em Cafarnaum, Jesus pregava na sinagoga, curava enfermos e expulsava demônios. Nos casos de exorcismo, um dado nos chama a atenção: o Mestre sempre impedia que os demônios informassem aos circundantes Sua pessoa de Messias, de Cristo. Diz Lucas: “E também de muitos saiam demônios, clamando e dizendo: Tu és o Cristo, o Filho de Deus. E Ele, repreendendo-os, não os deixava falar, pois sabiam que ele era o Cristo” (Lucas 4:41).

Aparentemente, não encontramos apoio em Jesus, na interpretação dada por alguns ao texto “a tempo e a fora de tempo”, de Paulo (II Timóteo 4:2). O Mestre foi rigoroso, no seguimento da “hora de Deus”, a hora certa de fazer e a hora de não fazer. Até na atitude de pregar usando parábolas, Jesus levou a sério a “Sua hora”, chegará “a hora” do Seu sacrifício, Jesus, então, pregou abertamente sua missão de Filho do Deus vivo.

Em Atos 1:7-8, Jesus ressuscitado, após desencorajar a preocupação dos discípulos a respeito do tempo certo, ensinou-lhes m princípio que deve nos nortear ainda hoje: nosso bom testemunho de Cristo deve ser dado quando respeitamos a virtude e a orientação do Espírito Santo em nós. Ele os ensina o que diz, como dizer e quando dizer. Quando somos sensíveis ao Espírito de Cristo, aprendemos a pregar a Jesus, no tempo de Jesus.



Pastor Sérgio Fernandes
 Palavra Que Transforma

Reflexões em 2 Coríntios - Rejeitando o que é vergonhoso

  |  Pastor Sérgio Fernandes

2 Coríntios 4:2 - Antes, rejeitamos as coisas que por vergonha se ocultam, não andando com astúcia nem falsificando a palavra de Deus; e assim nos recomendamos à consciência de todo o homem, na presença de Deus, pela manifestação da verdade.

Participar do Reino de Cristo era uma poderosa fonte de entusiasmo para Paulo (vv.01). Mas ele reconhecia que nem todos os obreiros agiam por essa motivação. Havia nos dias de Paulo aqueles que andavam com astúcia, falsificando a Palavra de Deus (vv.02). Esses não queriam glorificar a Jesus, mas a si próprios. Não buscavam o bem estar do rebanho, mas queriam sugá-lo e destruí-lo. Devendo almejar o céu, preferiam a terra. Podendo viver a graça de Deus, por suas más obras, permaneceram debaixo da ira divina.

Hoje, vemos um cristianismo desfigurado, misturado com o paganismo, o ocultismo, o capitalismo, e todos os outros "ismos" que você puder imaginar. O resultado disso é danoso: uma igreja apática, que ao invés de influenciar se tornou influenciada. Enquanto não houver um retorno verdadeiro da Igreja a autoridade das Sagradas Escrituras, estaremos a mercê desses profissionais da fé.

----------------------------------------------------------------

Desejo a todos vocês um feliz Natal e um 2015 abençoado.

Assista o devocional "Natal com Cristo" http://bit.ly/13tvmFu

----------------------------------------------------------------