Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #

Jesus é o Seu Rei?

  |  Pr. Sérgio Fernandes (insta @manadamanha)

Gênesis 12:3 - E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra.

Mateus destaca no capítulo dois de seu evangelho que a chegada do Messias não impactou apenas a sociedade judaica, mas também movimento o mundo gentio. Ora, como o plano de Deus era abençoar as nações por meio do descendente de Abraão (Gn 12.3), a chegada do menino trouxe luz até mesmo as nações mais longínquas. Como o evangelho da graça foi dado primeiro ao judeu e depois ao gentio, os evangelhos irão narrar a visita dos pastores no campo (judeus, Lc 2) e cronologicamente, os magos do oriente (gentios, Mt 2). Essa história que é contada nos presépios cristãos de todo o mundo é extremamente rica em sua mensagem e propósito. O tema apresentado é o reconhecimento de Jesus como Rei dos Judeus não somente pelos israelitas, mas por todas as nações. Aquele humilde menino, nascido em Belém, era o REI de todos os povos (Mq 5.2; Mt 27.37; Sl 72.10). Aqui já posso pausar e refletir com vocês sobre essa afirmação.

Se Jesus é o REI, eu tenho me comportado como um SERVO? A forma como me relaciono com Ele está em conformidade com essa revelação? Para muitos, Cristo é o “parça”, o “mentor”, o “cara”, mas para os cristãos nascidos de novo Ele É o Rei! Quando reconhecemos Cristo como Ele É, Deus é mais glorificado em nós. Quem é Jesus para você?

Deixem vir a Mim as crianças

  |  Pr. Olavo Feijó

Lucas 18:16 - Mas Jesus, chamando-os para si, disse: Deixai vir a mim os meninos, e não os impeçais, porque dos tais é o reino de Deus.

Antes de Jesus, as crianças não eram consideradas importante. A obrigação delas era trabalhar para os pais e obedecê-los. Por isso, Lucas achou importante registrar a opinião do Mestre, com relação aos pequeninos. “Então Jesus chamou as crianças para perto de si e disse: - Deixem que as crianças venham a Mim e não proíbam que elas façam isso, pois o Reino de Deus é das pessoas que são como estas crianças” (Lucas 18:46).

Séculos depois, o mundo – principalmente o ocidental – aprendeu a valorizar as crianças, levando a sério o ensino de Jesus. Felizes são as crianças cujos pais ou responsáveis levam a sério tratá-las com amor e disciplina.

Hoje, sabemos que aquilo que ensina mais as crianças é a conduta dos pais e dos outros adultos da família. O ensino verbal tem o seu significado. Afinal de contas, a linguagem escrita ou falada tem uma enorme capacidade de representar os fatos, os conhecimentos e a comunicação entre os membros da sociedade. Daí a conclusão do Mestre: “Quem não receber o Reino de Deus como uma criança nunca entrará nele” (verso 17). As crianças dependem completamente dos seus pais e educadores. Foi isso, então, que o Senhor quis nos ensinar. Cristão bíblico é aquele que aprendeu que sua vida depende do Espírito de Cristo. No futuro, como no passado.