Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O Prejuízo de Fugir de Deus  |  Pr. Olavo Feijó

Jonas 1:10 - Então estes homens se encheram de grande temor, e disseram-lhe: Por que fizeste tu isto? Pois sabiam os homens que fugia da presença do SENHOR, porque ele lho tinha declarado.

Para fugir da missão que o Senhor lhe dera, Jonas pega um navio para o outro lado do mundo. Mal saíram do porto, uma feroz tempestade ameaça de naufrágio a embarcação. Foi só quando percebeu o impacto da sua desobediência que Jonas se posicionou: “Em seguida, Jonas contou que estava fugindo de Deus, o Senhor. Aí os marinheiros ficaram mais apavorados ainda e disseram – veja só o que você fez!” (Jonas 1:10).

Se não soubéssemos que o livro do profeta Jonas relata com realismo a biografia de alguém, poderíamos dizer que a obra constitui um exemplo espetacular de ficção criativa. Com direito a discussões como o Altíssimo, a terrível tempestade com ondas destruidoras, a peixe engolidor de gente, a pregação que muda uma cidade inteira, a profeta irritado com o êxito da sua pregação...

A história da humanidade, bem como nossa própria historia pessoal, é uma variação sobre o tema Jonas. De um lado, o Senhor sempre vindo ao nosso encontro. Do outro lado, nós outros sempre a fugir de Deus. Temos mil razões para fugir. E Ele tem apenas uma razão para nos buscar: a incompreensível realidade do Seu amor por nós. Como é bom saber, lendo a Bíblia, que “o amor cobre uma multidão de pecados”. Que nossa fragilidade e teimosia nunca suplantarão a providência amorável do Senhor. Por mais que Satanás tente nos convencer de que o caminho é fugir de Deus, o Espírito de Cristo nos prova que o Senhor está lá adiante, na pocilga de nossa vida, esperando por nós. Pronto para cumprir a Sua vontade, usando-nos como Seu instrumento. Continua não compensando a atitude de fugir de Deus.