Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Votos e Promessas  |  Pr. Olavo Feijó

Eclesiastes 5:5 - Melhor é que não votes do que votares e não cumprires.

Depois de ver tanta gente brincando com a seriedade da vida, sempre prometendo e nunca cumprindo, Salomão concluiu: “É melhor não fazer voto do que fazer e não cumprir” (Eclesiastes 5:5).

Na hora do aperto, há gente que promete mundos e fundos. Promete tudo o que lhe vem à telha. A impressão que dá é que, para certas pessoas, fazer um voto é como uma espécie de exorcismo: uma promessa “forte”, feita com muita intensidade, deve ter o poder de descomplicar a vida. Há pessoas que ficam viciadas nisso, viciadas em fazer votos e não cumprir.

O autor de Eclesiastes não sugere votos e promessas – o que ele recomenda, diante dos problemas, é realismo. “Quantas vezes já atrasei o pagamento das contas? Estes meus atrasos revelam o que: minha memória está tendo problemas? Estou tendo mais dívidas do que dinheiro para pagar?” Estas perguntas e mais tantas outras significam “avaliação” e “diagnóstico”. Perguntas deste tipo não fazem promessas vãs – elas vão à procura das causas. Uma vez descobertas as razões verdadeiras, aí chega a hora de falar com o Senhor: “Pai, me ajuda a ter mais juízo e mais controle da minha vida”. Não é com votos e promessas, mas com decisões realistas, perante o Senhor.