Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
“Haja Luz”  |  Pr. Olavo Feijó

Gênesis 1:3 - ¶ E disse Deus: Haja luz; e houve luz.

A astrofísica contemporânea descobriu a importante relação entre a energia escura e a energia luminosa – relação entre a energia escura e a energia luminosa – relação esta que o autor de Gênesis já descrevera, na antiguidade. O texto afirma, descrevendo o princípio das coisas: “Deus disse – Haja luz. E houve luz” (Gênesis 1:3).

Tirando o criador, a que havia no mundo era “trevas”. Aquilo que a Bíblia chama de “trevas” a astrofísica chama de energia escura. As trevas são como o algarismo “zero”. O zero não é a mesma coisa que nada – Ele é valor em potencial e a sua importância depende da sua posição, quanto ao número “um”. Um zero à esquerda não muda nada – zeros, à direita de um número, potencializam Seu valor.

As trevas, físicas ou espirituais, são apenas um potencial. Seu grande valor acontece quando estão a serviço do Criador. E quando estão a serviço do Criador, as trevas são transformadas em “luz”. Tudo depende, então, de como nos posicionamos, com relação ao Criador nosso. Estar “a direita de Deus” simboliza, nas Escrituras, estar em comunhão com o Senhor, estar ao Seu serviço. Por isso, quando aceitamos Jesus, a luz enviada aos homens, recebemos do Senhor o poder de sermos “o sal da terra e a luz do mundo”.