Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O fariseu Paulo  |  Pr. Olavo Feijó

Filipenses 3:7 - Mas o que para mim era ganho reputei-o perda por Cristo.

Saulo de Tarso, contemporâneo do ministério de Jesus, foi um dos judeus mais eruditos do seu tempo. Dentre outros estudos, fez pós-graduação da cultura hebraica, como aluno do grande Gamaliel. Ele se considerava um “fariseu de fariseus” e não tolerava nenhum tipo de desvio da Lei Mosaica, dedicando o melhor de si mesmo para eliminar qualquer manifestação espiritual que não se submetesse à revelação dos princípios mosaicos.

O caminho de Damasco mudou tudo isso... Foi ali que, de repente, o próprio Jesus a Quem Paulo perseguia, apresentou-se com poder e o convocou para ser Seu apóstolo. “E não somente essas coisas, mas considero tudo uma perda, comparado com aquilo que tem muito mais valor, isto é, conhecer completamente Cristo Jesus, o meu Senhor. Eu joguei tudo fora como se fosse lixo, a fim de poder ganhar a Cristo e estar unido com Ele. Eu já não procuro mais ser aceito por Deus por causa da minha obediência à lei. Pois agora é por meio da minha fé em Cristo que eu sou aceito; essa aceitação vem de Deus e se baseia na fé” (Filipenses 3:8-9).