Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Ajuda minha pequena fé  |  Pr. Olavo Feijó

Marcos 9:24 - E logo o pai do menino, clamando, com lágrimas, disse: Eu creio, Senhor! ajuda a minha incredulidade.

Quanto mais procuramos viver de acordo com os ensinos de Jesus, mais nós aprendemos que crer é uma experiência dinâmica, com a capacidade de crescer, quanto mais é praticada.

Marcos registra a experiência de um pai que pediu a intervenção de Jesus, no sentido de libertar seu filho: "Há quanto tempo ele está assim?", perguntou Jesus ao pai. Ele respondeu: Desde que era muito pequeno. E o demônio muitas vezes o faz cair no fogo ou na água, para matá-lo. Oh, tenha misericórdia de nós: se o Senhor puder, faça alguma coisa - Se eu puder?, perguntou Jesus. Qualquer coisa é possível quando se tem fé. O pai imediatamente respondeu: Eu tenho fé; ajuda-me a ter mais! Quando Jesus viu que a multidão estava crescendo, repreendeu o demônio: Ó demônio da surdez e da mudez - disse Ele. Eu ordeno você que saia desse menino e não entre mais nele!. Então, o demônio deu um grito terrível, convulsionou o menino novamente e o deixou. O menino ficou prostrado ali, mole e imóvel, com toda a aparência de morto...Jesus o tomou pela mão e o ajudou a ficar em pé. Ele levantou-se e estava bem!... Os discípulos perguntaram: Por que nós não pudemos expulsar aquele demônio? Jesus respondeu: Casos como este, exigem oração" (Marcos 9:21-29).

Nossa fé é coisa viva: para crescer, ela exige prática. A prática da fé exige aprendizado das Escrituras. Por isso, estudar a Bíblia e aprender tudo o que ela ensina sobre dependência o Senhor é nosso grande desafio. É a maneira de fazer crescer nossa pequena fé.