Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Minha fé e a glória divina  |  Pr. Olavo Feijó

João 11:40 - Disse-lhe Jesus: Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?

Marta, uma das duas irmãs de Lázaro, era uma pessoa de bom senso. Por isso, quando Jesus ordenou que retirassem a grande pedra que selava o sepulcro do seu irmão, ela achou por bem, com todo o respeito, lembrar-lhe o óbvio: “Senhor, ele está cheirando mal, pois já fazem quatro dias que foi sepultado” (João 11:39).

Marta não estava pensando em ressurreição dos mortos, mas no mau cheiro da morte. Afinal de contas, naquele tempo, o único jeito de não conviver com as implicações malcheirosas da morte era o enterro. A resposta inesperada de Jesus foi: “Se você crer, você verá a revelação do poder glorioso de Deus” (João 11:40).

A ordem de Jesus, dada ao defunto Lázaro não foi, simplesmente, para o benefício dele, mas também para o nosso. O objetivo real foi: “que eles creiam que Tu me enviaste” (João 11:42). A ressurreição dos que creem em Cristo é aquilo que nos possibilita, após nossa morte física, viver a vida eterna com o Senhor. Jesus garantiu: “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em Mim, ainda que morra, viverá” (João 11:25).