Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O Deus Infinito se fez finito para nos resgatar  |  Pr. Sérgio Fernandes (insta @manadamanha)

Lucas 2:8 - ¶ Ora, havia naquela mesma comarca pastores que estavam no campo, e guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho.

Dentro da cronologia dos eventos a respeito do nascimento de Jesus Cristo, o anúncio da boa notícia aos pastores do campo feito pelo anjo deve ocupar a nossa especial atenção (Lc 2.8). Essa foi a primeira vez que a notícia do nascimento de Cristo foi divulgada e o caráter sobrenatural por trás do evento tem muito a nos ensinar.

Um anjo proclamou o nascimento do Messias para destacar a sua origem divina. Reis da terra anunciavam o nascimento dos seus herdeiros com grande pompa. O rei vindo do céu deveria ser anunciado com ainda maior esplendor, com um mensageiro vindo diretamente do céu. A boa notícia tratava de proclamar o cumprimento do propósito divino na vida daquele menino: embora seja rei, não nasceu em um palácio; apesar de ser divino, nasceu entre os homens, e sendo o Deus onipotente feito em carne, seria encontrado envolto em faixas que protegeriam seu frágil corpo humano da precariedade do lugar onde nasceu.

O Deus Infinito se fez finito para nos resgatar. Ele desceu para podermos subir. No seu amor soberano, Ele submeteu-se a finitude humana para se oferecer como sacrifício em prol do seu povo. Essa é a boa notícia da graça de Deus.