Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Operando Deus, quem pode impedir?  |  Pr. Sérgio Fernandes (insta @manadamanha)

Isaías 43:13 - Ainda antes que houvesse dia, eu sou; e ninguém há que possa fazer escapar das minhas mãos; agindo eu, quem o impedirá?

Um dos aspectos interessantes da soberania de Deus é o poder ilimitado que Ele possui para cumprir os seus propósitos eternos. A demonstração desse poder está patente na Bíblia quando lemos a respeito da criação, do dilúvio, da preservação de Israel e a sua fuga do Egito, nos sinais miraculosos operados na tomada da terra prometida, além de livramentos e ações gloriosos narradas no AT. Realmente, o testemunho bíblico de Is 43.13 se confirma: “(...) operando Eu, quem impedirá?”.

O NT, embora mostre ações miraculosas do Senhor, parece concentrar o tema da soberania divina no nascimento, vida, morte e ressurreição de Jesus (Gl 4.4) e na execução do plano de salvação. Reconhecendo que o pecado alienou o homem, tornando-o incapaz de qualquer bem espiritual ou de se voltar a Deus sem que Ele o busque primeiro (Rm 3.10), a Bíblia mostra a soberania de Deus em ação, garantindo que o Espírito convenceria o homem do pecado, justiça e juízo (Jo 16.8) e levaria os homens a obediência à Cristo (Jo 10.28).

A segurança de salvação que temos repousa no fato de que o Deus Soberano não falhará em salvar todos aqueles que Cristo comprou com o próprio sangue (At 20.28). Podemos desenvolver nossa santificação de modo humano, amoroso e seguro, porque fomos resgatados não com o ouro ou com a prata, mas com o precioso sangue de nosso Salvador. A Ele a glória para sempre!