Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Paulo, servo de Jesus Cristo  |  Pr. Olavo Feijó

Gálatas 5:13 - ¶ Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.

O conceito popular de liberdade é “anarquia”. O que a tradição humana nos sugere é que compromisso é o mesmo que escravidão. Neste contexto, somos ensinados a reagir contra a responsabilidade e o compromisso. Repetindo a gíria popular, “ser livre é fazer o que me dá na telha...”;

O apóstolo Paulo era especialista a Lei Mosaica. Ele mesmo se classificou como “fariseu de fariseus” – isto é, antes de qualquer decisão a ser tomada, sua conduta diária consultava o preceito legal. O cidadão judeu religioso não se dava o direito de resolver seus problemas baseado apenas na sua própria cabeça.

Após encontrar-se espiritualmente com o Jesus ressuscitado, enquanto caminhava pela estrada entre Jerusalém e Damasco, Paulo assumiu livremente, ser servo de Jesus. Porque, finalmente descobriu que a postura da liberdade é a postura do amor cristão. Paulo descobriu que as leis humanas se baseiam no medo, enquanto que as “leis” divinas respeitam nosso direito de dizer não. Quando aceitamos o senhorio de Jesus Cristo, descobrimos que o amor nos liberta e que, mesmo podendo negar Jesus, somente o servir a Jesus desenvolve em nós a escolha de amar a Deus, de amar ao próximo e de amar a nós mesmos!