Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Meus pecados me seguem  |  Pr. Olavo Feijó

Salmos 51:3 - Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim.

Quando cometemos um crime irreparável, a culpa causada por ele nos marca para sempre. Este é o tema do Salmo 51, escrito por Davi, como consequência de seu duplo pecado doloso. Após ter cobiçado a linda e sensual Bate-Seba, mandou para morrer em batalha seu marido Urias, um fiel guerreiro do exército de Davi.

“De manhã, Davi enviou uma carta a Joabe, por meio de Urias. Nela, escreveu – Ponha Urias na linha de frente e deixe-o onde o combate estiver mais violento, para que seja ferido e morra” (I Samuel 11:46). O plano homicida foi executado nos mínimos detalhes, e abriu as portas para o casamento de Bate-Seba com o rei Davi.

O Senhor decretou que aceitaria o arrependimento do rei, mas que isto não significaria que um pecado tão grave e tão covarde ficasse sem suas consequências naturais.

O filho adulterino de Davi morreu, ao nascer. Só depois de se sentir limpo da sua sujeira espiritual, voltou a comungar com Deus. Com o coração o rei poeta escreveu o Salmo 51, uma das canções mais comoventes da Bíblia. “Devolve-me a alegria da Tua salvação e sustenta-me, dando-me um Espírito pronto a obedecer-Te!” (Salmo 51:3 e 51:12). Quando Deus perdoa e nos restaura, nossa alma volta a ter saúde espiritual!