Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Somos Pó  |  Pr. Olavo Feijó

Salmos 103:14 - Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.

O Salmo 103 descreve várias maneiras em que se manifesta a misericórdia divina para conosco. Uma delas diz: “Ele conhece a nossa estrutura, lembra-se de que somos pó” (Salmos 103:14).

Nossa tendência humana é julgar os outros, a partir daquilo que encontramos dentro de nós. Colocando-nos como ponto central e referencial do mundo, nossa tendência é a de julgar inadequados ou, até, errados todos aqueles que pensam ou agem diferentemente. Daí o mandamento de Cristo: “Não julgueis, para que não sejais julgados”.

O Senhor, com toda a sua perfeição e santidade, tem todo o direito de nos julgar e condenar. Mas Ele não o faz. Ele olha para os nossos erros, nossos crimes, nossas delinqüências e “não nos trata segundo os nossos pecados”. Por causa disso, Ele nos cerca com Sua poderosa misericórdia e providência inúmeros recursos e meios para nossa recuperação e cura. A misericórdia divina brota da percepção divina, que “se lembra de que somos pó”. E, a partir de pó, a obra do Espírito de Cristo constrói “filhos de Deus”, para a eternidade. Que bom que Ele se lembra de que somos pó.