Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Tu, Senhor, força minha  |  Pr. Olavo Feijó

Salmos 22:19 - Mas tu, SENHOR, não te alongues de mim. Força minha, apressa-te em socorrer-me.

Desde nossa infância, somos ensinados a depender de nós mesmos. Cada expressão de autonomia é aplaudida e reforçada. Em contraposição, a Bíblia declara que a vida espiritualmente saudável é aquela que se sente dependente de Deus: “Mas Tu, Senhor, não te alongues de mim, força minha: apressa-Te em socorrer-me” (Salmo 22:19).

A lógica demonstra que mais forte é aquele que ajuda. Daí, quando resolvemos depender apenas da autoajuda, o que expressamos é uma postura que desdenha qualquer socorro do nosso meio-ambiente, físico ou humano.

Ao declarar o Senhor como “força minha””, o que fazemos é reconhecer o realismo da vida, em todos os seus aspectos. Somente aceita ajuda divina aquele que olha para o mundo ao seu redor e descobre a dignidade do Ajudador e daqueles que Ele ajuda. Porque, quando nos ajuda, o Senhor não nos humilha: pelo contrário, o amor com que Ele nos ajuda sempre nos dignifica.