Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O objetivo do mandamento  |  Pr. Olavo Feijó

1 Timóteo 1:5 - ¶ Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida.

Escrevendo a Timóteo sobre o significado que o ensino bíblico deve ter, Paulo ensina: “O fim do mandamento é que nos amemos uns aos outros com uma amor que vem de um coração puro, de uma consciência limpa e de uma fé verdadeira” (I Timóteo 1:5).

O amor ensinado nas Escrituras se baseia em “um coração puro”. Quando amamos indiscriminadamente, dividindo nosso sentimentos entre posturas que não combinam, não construímos um coração puro. E não vovemos uma vida equilibrada espiritualmente. O Senhor Jesus nos alerta, dizendo que não podemos servir a “dois senhores” (Mateus 6:24).

Além de um coração puro, devemos desenvolver uma “consciência limpa”. Consciência limpa é aquela que não procura esconder seus pontos frágeis ou negativos – pelo contrário, ela se abre honestamente Diane do Senhor, pedindo-lhe misericórdia, perdão e santificação. Mais ainda, as Escrituras pretendem desenvolver em nós uma “fé não fingida”. O Senhor conhece nossa alma e não encoraja vaidade espiritual. O objetivo do mandamento bíblico, então, é: coração puro, consciência limpa, fé não fingida. Em outras palavras: o objetivo do mandamento é uma obediência cheia de amor. Que o Espírito de Cristo cria em nós.