Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Matou mais na sua morte  |  Pr. Olavo Feijó

Juízes 16:30 - E disse Sansão: Morra eu com os filisteus. E inclinou-se com força, e a casa caiu sobre os príncipes e sobre todo o povo que nela havia; e foram mais os mortos que matou na sua morte do que os que matara em sua vida.

O impacto da força de Sansão foi tão grande, na história de Israel, que seu nome virou lenda. Homem de temperamento imaturo, Sansão foi vítima de si mesmo, durante os vinte anos que governou seu povo. Seu trágico epitáfio diz: “E gritou – Que eu morra com os filisteus! Em seguida, deu um empurrão com toda a força e o templo caiu sobre os governadores e todas as outras pessoas. E assim Sansão matou mais gente na sua morte, do que durante a sua vida” (Juízes 16:30).

Se tivesse reconhecido Jeová como a origem da sua força, Sansão teria entrado para a história como o melhor exemplo daquilo que o Senhor pode fazer com a pessoa que se submete a Ele com amor e inteligência. Ficamos a imaginar o tamanho da liderança de Sansão, se ele tivesse a compreensão da obra que Deus queria fazer, através dele. Parece que foi somente na sua morte que Sansão finalmente compreendeu sua vida como servo de Deus.

Sansão é uma mensagem para nós. Os recursos que o Senhor nos dá devem ser aceitos por nós como uma missão e um ministério espiritual. “Não pela força, nem pela violência: mas pelo Meu Espírito, diz o Senhor”. Feliz é aquele que olha para seus recursos pessoais como um presente de Deus – presente que nos é dado para abençoar o mundo em que vivemos.