Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Amor produz obediência  |  Pr. Olavo Feijó

João 14:15 - ¶ Se me amais, guardai os meus mandamentos.

O comportamento externo do obedecer pode ser o resultado de diferentes posturas internas. Há os que obedecem por medo. Existem aqueles que obedecem apenas para não criar desnecessários problemas. De modo que a conduta externa da obediência não deve ser vista como resultado natural de apenas um tipo de motivação.

Jesus oferece a Sua dinâmica correta, para a atitude da obediência. De início, Ele explica: “Um novo mandamento lhes dou: Amem-se uns aos outros. Como Eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros” (João 13:34). Amar, então, é uma dimensão essencial para o ser humano e, em especial, para os discípulos de Cristo. Sem amor, a obediência apenas expressa o medo. Por isso, na sua Primeira Carta, João nos ensina: “No amor (de Deus) não há medo. Ao contrário, o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo” (I João 4:18).

Amar é um mandamento, no sentido de que a dimensão bíblica do amor é essencial, se é que queremos ser discípulos do Senhor: “Deus é amor. Todo aquele que permanece no amor, permanece em Deus e Deus nele” (I João 4:16). Amor e obediência. Obediência com amor. Este é o padrão da vida cristã.