Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Nosso Benfeitor não muda  |  Pr. Olavo Feijó

Tiago 1:17 - Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação.

Já no primeiro século, doutrinas de base não bíblica circulavam entre os cristãos. Uma delas tinha a ver sobre a origem das coisas boas que recebemos da vida. Tiago, na sua carta, deixa a coisa bem clara: “Não se enganem, meus queridos irmãos. Tudo de bom que recebemos e tudo que é perfeito vem do céu, vem de Deus, o Criador das luzes do céu” (Tiago 1:16-17).

Há uma crença muito arraigada entre nós: trata-se da sorte. Para o povo, sorte é uma entidade real que determina a vida de todo mundo. Quem tem sorte vai bem – que não tem sorte vai mal. Tiago nos revela que “sorte” é mera superstição. Ao escrever que “tudo de bom que recebemos vem de Deus”, o irmão do Senhor põe em descrédito a crença na sorte.

Tudo o que é bom vem de Deus. Tudo o que vem de Deus é bom. O ensino de Tiago é coerente com toda a revelação bíblica. Ele serviu para o primeiro século e serve também para nós, tantos séculos depois. Por que? Porque Deus não muda. Se é que somos cristãos, Cristo é o nosso Senhor. Ele nos abençoa de dia e nos abençoa de noite.