Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Amar a Cristo é amar a Deus  |  Pr. Olavo Feijó

João 15:9 - ¶ Como o Pai me amou, também eu vos amei a vós; permanecei no meu amor.

A história dos humanos é caracterizada pela exploração do corpo e da mente. O termo “amor”, em nosso vocabulário, tem sido relacionado com sensualidade e com prazer irracional. Por isso, a mensagem de Jesus sobre amor foi e continua sendo revolucionária: “Assim como o Meu Pai me ama, Eu amo vocês: portanto, continuem unidos comigo por meio do Meu amor por vocês. Se obedecerem aos Meus mandamentos, Eu continuarei amando vocês, assim como Eu obedeço e Ele continua a Me amar” (João 15:9-10).

Há traduções de João 3:16 que atribuem sua mensagem a Jesus. Esta postura faz sentido, porque o texto constitui a revelação mais aberta sobre a característica essencial do amor divino. O amor que Deus tem por nós é doador: ele não vida o benefício próprio, mas o bem-estar do ser amado.

O que Jesus quer de nós é que amemos do jeito que Ele nos ama: o segredo desta postura é – “obedecerem aos Meus mandamentos”. Sentimentalismo não nos habilita a amar como Cristo nos ama. Amar é tomada de decisão, é uma integral filosofia de vida. Por amor ao Seu Pai, Jesus cumpriu o plano cósmico da salvação. Quando amamos a Jesus Cristo, somos admitidos no projeto divino da vida eterna. Amar é obedecer. Obedecer é amar.