Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Nossa confissão a Deus  |  Pr. Olavo Feijó

1 João 1:9 - Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.

Negar a realidade é um sinal perigoso de desequilíbrio mental. Por isso, é um ótimo sinal, quando alguém assume a postura de reconhecer os próprios erros. E mais, quando os confessa ao Senhor, o único capaz de restaurar nossa saúde espiritual. Estas são as palavras de João, sobre o assunto: “Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo, para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda a injustiça” (I João 1:9).

Adão nos deu um péssimo exemplo, quando desobedeceu ordens divinas e procurou jogar a culpa sobre sua esposa. Muitos de nós repetimos o erro do primeiro varão, quando enveredamos pelo caminho da dissimulação. Médico nenhum pode ajudar um paciente que insiste em negar a própria doença.

Começando sua Primeira Carta, João afirma claramente que, ao negarmos nossos próprios pecados, enganamos a nós mesmos. Por outro lado, escreveu ele, o caminho da restauração espiritual tem que passar pela dura postura de confessar ao Senhor nossas falhas e pecados. Com esta atitude de realismo, entretanto, abrimos nossa alma para a intervenção divina, cujo amor nos perdoa e nos purifica de toda a injustiça. Silenciar, quando pecamos, adoece nossa vida espiritual. Confessar a Deus, por outro lado, é o caminho certo para ter a segurança do Senhor, neste mundo de tentações.