Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Satanás nos machuca – Jesus nos restaura  |  Pr. Olavo Feijó

Lucas 22:31 - Disse também o Senhor: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos cirandar como trigo;

O tempo de Jesus neste mundo chegara ao seu final. E a angústia do Mestre antevia a dor física e espiritual que Ele deveria sofrer. Ao ponto de Seu suor escorrer como sangue. Mesmo assim, Jesus pensou nos discípulos, intercedeu por eles e, quanto a Pedro, resolveu dar-lhe uma proteção especial, do tamanho da tribulação que iria desestruturá-lo. “Jesus falou – Simão, Simão, escute bem! Satanás já conseguiu licença para por você à prova. Ele vai peneirar vocês como o lavrador peneira o trigo a fim de separá-lo da palha. Mas Eu tenho orado por você, Simão, para que não lhe falte fé. E quando você voltar para Mim, anime os seus irmãos” (Lucas 22:31-32).

Em sã consciência, não queremos negar a Jesus, quando as provações do mundo nos retiram a coragem. Aí, exatamente nestas situações de fragilidade, o Senhor autoriza as maldades do Inimigo contra nós. Para que sofrimentos tão cruéis? Afinal de contas, já não temos sofrimentos suficientes, quando remando contra a cultura imoral que nos combate? É assim que o Senhor espera que nos livremos de toda aquela carga de culpa e desamparo que carregamos?

O Senhor sabe o que faz. Por isso, Ele não nos dá aquilo que pedimos, mas aquilo de que temos necessidade. Em meio aos desapontamentos desta jornada cristã, é essencial nunca, nunca nos esquecermos de que Cristo sempre ora por nós. Quando fixamos nossos olhos no Cristo, certamente iremos “chorar amargamente”. É neste chorar, cheio de desapontamento, por causa de nossas falhas, que o Espírito nos restaura, para que “”a fé não nos falte”. Graças a Deus: nunca estamos abandonados.