Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Feridos, mas não destruídos  |  Pr. Olavo Feijó

2 Coríntios 4:9 - Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos;

Ao mesmo tempo que permite que o mundo nos machuque, Deus também garante nossa restauração e nossa funcionalidade. É isto que a Bíblia nos diz: “Temos muitos inimigos, mas nunca nos falta um amigo. Às vezes, somos gravemente feridos, mas nunca ficamos destruídos” (II Coríntios 4:9).

O livro de Jó, dentre muitas lições, nos ensina que o poder de Satanás é limitado pela soberania de Deus. O Inimigo não tem foeça suficiente para destruir o projeto divino. Não somente o senhorio divino impõe limites à obra do Diabo – principalmente, o amor de Deus usa a revolta suicida do Demônio como um dos Seus recursos de fortalecimento dos Seus filhos – “temos muitos inimigos, mas nunca nos falta um amigo”.

Mesmo sendo nosso Mestre, Jesus decidiu nos tratar como amigos (João 15:15). Daí a declaração de Paulo – temos muitos inimigos, mas nunca nos falta um amigo. Porque, apesar de todas as provações causadas pelo mundo, o Amigo sempre nos restaura, sempre nos fortalece, sempre garante vitória. Somos feridos, mas não somos destruídos. Neste contexto, entendemos a proclamação do apóstolo: “Graças a Deus, que nos dá a vitória, por nosso Senhor Jesus Cristo”. (I Coríntios 15:57).