Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Como Cristo nos liberta  |  Pr. Olavo Feijó

João 8:36 - Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.

Em discussão sobre a liberdade humana, Jesus decidiu nos dar a Sua palavra definitiva sobre o tema. “Se o Filho os libertar vocês serão, de fato, livres” (João 8:36).

Escolher, de acordo com uma certa filosofia, constitui a maior característica da natureza humana. Paulo, por sua vez, introduz a coisa mais profunda do problema: aquele que decide se torna, por sua própria decisão, limitado ao que quer que tenha escolhido. Por esta razão, o apóstolo resumiu a simplicidade lógica do tema: quem decide viver em pecado, faz-se escravo do pecado. Por outro lado, aquele que aceita a liberdade espiritual oferecida por Cristo, decide livremente tornar-se servo de Cristo.

A pessoa conscientemente livre aceita os limites que se impôs, com sua decisão. Quando nos oferece os padrões de existência, que exige de Seus discípulos, Jesus não usa de meias palavras: submissos a Cristo, tornamo-nos “de fato, livres”. Paulo, que experimentou esta realidade espiritual, deu um testemunho corajoso: depois que aceitou a Cristo, achou natural abandonar todas as outras dimensões oferecidas pelas várias dimensões do espírito humano. Ser livre espiritualmente, hoje, acontece como sempre aconteceu: pelo amor a Cristo e pela aceitação do Seu senhorio em nossa vida.