Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Levítico 10 - Paixão Pela Palavra  |  Pastor Sérgio Fernandes

Levítico 10:1 - ¶ E os filhos de Arão, Nadabe e Abiú, tomaram cada um o seu incensário e puseram neles fogo, e colocaram incenso sobre ele, e ofereceram fogo estranho perante o SENHOR, o que não lhes ordenara.

O capítulo 10 de Levítico talvez seja o mais conhecido do livro. A trágica história de Nadabe e Abiú e o seu "fogo estranho" tem sido usada como alegoria por pentecostais para denunciar o "baixo pentecostalismo" e por reformados para apontar o pentecostalismo como uma aberração teológica. Contudo, o episódio aponta para a realidade que permeia toda a história bíblica: a dificuldade do homem em se manter em perfeita obediência ao Senhor, aceitando humildemente a Sua vontade revelada.

O "fogo estranho" do texto significava adotar uma atitude de independência. Era fazer o que Deus não havia mandado, transgredindo o mandamento e agindo contrário a revelação. Todas as vezes que isso ocorre, o juízo de Deus se manifesta. Quando Adão desobedeceu, a humanidade caiu (Rm 5.12). Cristo, contudo, foi obediente até a morte, e morte de cruz (Fp 2.8). Desse modo, que permanece em Adão, sem reconhecer sua carência da misericórdia divina e da vida de Deus, permanece no fogo estranho e terminará em fogo que não se apaga. Mas aqueles que humildemente decidem "não morder a maçã" e se apegam com firmeza a graça que lhes foi revelada, estarão livres da condenação eterna e andarão com firmeza na luz, diante do Deus que é fogo consumidor e poderoso para salvar.