Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
A Sinceridade Nos Garante  |  Pr. Olavo Feijó

Salmos 25:21 - Guardem-me a sinceridade e a retidão, porquanto espero em ti.

Confiar em Deus só pela metade não nos dá todos os benefícios da fé. A fé sincera é aquela confiança íntegra. A palavra “sincera” vem do latim e significa “sem cera”. Ela começou a ser usada pelos vendedores de madeira, quando queriam valorizar seu produto, mostrando que suas peças não possuíam furos, recheados de cera: a madeira sem buracos tinha um valor maior. Usando o mesmo raciocínio, podemos dizer que uma fé sincera é de natureza íntegra, genuína, “sem furos”. É neste contexto que citamos Davi: “Guardem-me a sinceridade e a retidão, porquanto confio em Ti, Senhor” (Salmo 25:21).

Corremos o perigo de permitir “furos” na nossa confiança em Deus. Furos causados por ignorância bíblica, quando nos contentamos em viver com um conhecimento bíblico elementar, sem esforços de aprofundamento. Furos causados pelas pressões dos grupos religiosos que frequentamos, principalmente aqueles que aceitam a opinião de seus líderes como verdade absoluta. Furos culturais, quando as opiniões do mundo ao nosso redor recebem nossa aceitação por parecerem mais “modernos”. Isto é a fé com furos, recheada da cera da revelação antibíblica.

A fé que nos guarda, e que nos alimenta saudavelmente, não permite misturar-se com aquilo que não apresente a aprovação do grande contexto bíblico. A fé sincera só se alimenta daquilo que se destina para a glória de Deus. Quanto mais Bíblia conformar nossa mente e alimentar nosso coração, mais garantida e feliz se torna nossa vida. É quando podemos repetir a afirmação do salmista, porque a sinceridade nos garante no poder de Deus.