Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Não Viver Só... Mas Em Harmonia  |  Pr. Olavo Feijó

Provérbios 21:9 - ¶ É melhor morar num canto de telhado do que ter como companheira em casa ampla uma mulher briguenta.

O rei Salomão, que vivia com todo o conforto, preferira viver no desconforto, a ter que conviver com “uma mulher briguenta”. “É melhor morar no fundo do quintal do que dentro de casa, com uma mulher briguenta” (Provérbios 21:9).

O texto de Gênesis 2:18 cita o Criador, quando afirmou: “Não é bom que o homem viva sozinho. Vou fazer para ele alguém que o ajude como se fosse a sua outra metade”. Esta citação bíblica é a bandeira daqueles que querem casar, custe o que custar. A interpretação desta frase do Criador não deve ignorar a condição para que viver junto seja “bom” – o objetivo é que a outra parte seja ajudadora, aperfeiçoadora.

Fica ricamente evidente que autossuficiência não é a característica, nem o ideal – seja do homem, seja da mulher. Para que haja harmonia, exige-se que haja interdependência consciente e eficiente. Por isso, quando Salomão deplorou a “mulher briguenta”, o argumento se aplica, justamente, também ao “homem briguento”. Já o povo, na sua simplicidade descobrira que “antes só do que mal acompanhado”. Casamento no Senhor é a convivência harmônica, integrada, dignificando ambas as partes. O problema não é com quem vivo, mas como vivo. Não somente o homem, como a mulher também, deve amar seu cônjuge “como Cristo amou a Igreja, dando sua vida por ela” (Efésios 5:25). Esta é a harmonia do “uma só carne” (Gênesis 2:24).