Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O Pouco Que Dou A Cristo É Abençoado  |  Pr. Olavo Feijó

Marcos 12:43 - E, chamando os seus discípulos, disse-lhes: Em verdade vos digo que esta pobre viúva deitou mais do que todos os que deitaram na arca do tesouro;

As grandes ofertas, trazidas pelos que tinham em abundância não foram dadas com alegria. Por isso, Jesus elogiou as duas moedinhas, ofertadas por uma viúva pobre: “Chamando a si seus discípulos, Jesus declarou – Afirmo-lhes que esta viúva pobre colocou na caixa de ofertas mais do que todos os outros” (Marcos 12:43).

A religião institucionalizada, tipo empresa, pressiona seus seguidores, exigindo cada vez mais ofertas materiais. Isto porque tempos grandiosos e infraestruturas pesadas exigem muito dinheiro, para sua manutenção. Tudo isso foi criticado por Jesus, ao ver as opulentas ofertas levadas pelos ricos da comunidade, que se orgulhavam da grandiosidade do Templo de Jerusalém.

Por que Jesus fez questão de chamar a atenção dos discípulos, diante do evento, sem publicidade, da oferta de duas moedinhas de cobre? O objetivo muito claro de Jesus foi focalizar o espírito da oferta. Após reunir os discípulos, não deu uma aula de contabilidade. Nem sequer deu uma de Iscariotes, indicando que a opulência dos ricos deveria ser distribuída entre os pobres. A ênfase do Mestre foi a atitude da dádiva: a alegria, a saúde, a fé, a beleza da oferta. Tempos depois, exatamente no ano 70, o Templo foi destruído pelo imperador romano. A postura daquela pobre viúva, porém, segue altaneira, através dos séculos. Enriquecida pela bênção de Jesus!