Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O Tempo Certo É O De Deus  |  Pr. Olavo Feijó

Tito 1:3 - Mas a seu tempo manifestou a sua palavra pela pregação que me foi confiada segundo o mandamento de Deus, nosso Salvador;

A carta a Tito, apesar de pequena, aponta para alguns problemas teológicos relevantes. Um deles tem a ver cm o significado do tempo, no conjunto dos desígnios do Senhor: “No devido tempo, Ele trouxe à luz a Sua palavra, por meio da pregação a mim confiada por ordem de Deus, nosso Salvador” (Tito 1:3).

O ensino do contexto bíblico concorda em que, desde antes da criação do Universo, o Senhor já havia estabelecido detalhadamente a ordenação daquilo que o Apocalipse (21:11) chama de “os novos céus e a nova Terra”. O problema do papel a ser desempenhado pela dimensão do tempo tem sido, certamente, aquele que mais tem impressionado a criatura humana. E também, não dá para ignorar o nosso medo, quando contemplamos a maneira como o Deus eterno tem conduzido a revelação do binômio tempo-eternidade, para o desenvolvimento espiritual dos Seus filhos adotivos.

Tomemos a questão da universalidade da aceitação do Deus Cristo. Após o balanço final da criação, Ele assumirá o controle definitivo do Universo e seus habitantes. No Antigo Testamento, o tema necessariamente recebeu um tratamento introdutório. Já no Novo Testamento, as coias ficaram bem abertas. O grande instrumento revelador, nesta fase, foi Paulo de Tarso. Com toda convicção e abertura, o antigo “fariseu de fariseus” recebeu a ordem de anunciar o projeto de Jesus o Cristo às tribos dos gentios: dos não judeus. O evangelho de Cristo chegou até nós por causa do apostolado de Paulo, conforme ele mesmo admitiu, escrevendo a Tito. O tempo certo continua sendo o tempo de Deus.