Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Não Se Esqueça De Que Somos Pó  |  Pr. Olavo Feijó

Salmos 103:14 - Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.

A Bíblia nos fala de vários motivos que levam o Senhor a ter misericórdia de nós pecadores. Um deles nos é descrito por Davi? “...o Senhor tem compaixão dos que O temem, porque Ele sabe do que somos formados – lembra-se de que somos pó” (Salmo 103:13-14).

Evidentemente, Davi, atribui emoções humanas a Deus, quando nos explica que o Senhor “lembra-se de que somos pó”. Afinal de contas, foi o próprio Criador quem resolveu fazer o ser humano do “pó da terra”. Ao tomar esta resolução, o Senhor já sabia, antecipadamente, que entidades estruturadas com materiais físicos e químicos tinham que ser limitadas. E que, exatamente por causa desta limitação, de vez em quando o “pó” pesaria mais do que “o sopro da vida”. Em função de toda esta engenharia, adotada desde “antes da criação do mundo”, o Senhor estabeleceu que a Sua maneira de lidar com os seres humanos, seguiria sempre a linha do Seu amor e da Sua misericórdia. Paulo resume tudo isto, revelando que “Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores” (Romanos 5:8).

O grande problema dos “filhos de Deus” reside em uma das fragilidades do “pó” que somo nós. Enquanto o Senhor, na Sua santidade, “lembra-se de que somo pó”, nós em meio aos pecados do pó, esquecemo-nos de que “o Senhor tem compaixão dos que O temem”... O salmo de Davi deveria nos ajudar, no meio dos tropeços de nossa carne, a relembrar a poderosa realidade da misericórdia do Deus que nos ama. E que, por isso, tem uma memória espiritualmente seletiva.