Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Vem e Vê  |  Pr. Olavo Feijó

João 1:46 - Disse-lhe Natanael: Pode vir alguma coisa boa de Nazaré? Disse-lhe Filipe: Vem, e vê.

Filipe foi um dos doze apóstolos escolhidos por Jesus, no início do Seu ministério. Entusiasmado com a pessoa do Mestre, Filipe compartilhou seus sentimentos com Natanael. Quando soube que Jesus era de Nazaré, o preconceito de Natanael contra a cidadezinha falou mais alto e ele começou um discurso de rejeição. Filipe se esquivou do debate e, simplesmente, lançou o convite: “Venha e veja” (João 1:46).

Se é que queremos levar pessoas a Cristo, a abordagem de Filipe é um bom exemplo. Alguns tentam “provar” que os ensinos de Jesus são superiores aos dos outros líderes religiosos – na maioria das vezes, o encontro se reduz a um simples debate de inteligências, ao invés de uma demonstração da amorável divindade do Cristo. Filipe não quis discutir. Ele apelou para a experiência pessoal de Natanael.

No argumento de Filipe existem dois movimentos. O primeiro momento é um convite simples: “venha”. Para conhecer Jesus é preciso aproximar-se Dele. E, neste aproximar-se, retirar do caminho os obstáculos dos nossos queridos preconceitos. Que, quase sempre, têm a ver com religião e, nada, com a pessoa do próprio Jesus. Vem, então, o segundo momento: “vê”. Experimente pessoalmente. Teste com toda a honestidade. Ponha à prova Suas promessas. O caminho para Jesus não é dogmático. É experiencial.