Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Pregar A Jesus, No Tempo De Jesus  |  Pr. Olavo Feijó

Lucas 4:41 - E também de muitos saíam demônios, clamando e dizendo: Tu és o Cristo, o Filho de Deus. E ele, repreendendo-os, não os deixava falar, pois sabiam que ele era o Cristo.

Em Cafarnaum, Jesus pregava na sinagoga, curava enfermos e expulsava demônios. Nos casos de exorcismo, um dado nos chama a atenção: o Mestre sempre impedia que os demônios informassem aos circundantes Sua pessoa de Messias, de Cristo. Diz Lucas: “E também de muitos saiam demônios, clamando e dizendo: Tu és o Cristo, o Filho de Deus. E Ele, repreendendo-os, não os deixava falar, pois sabiam que ele era o Cristo” (Lucas 4:41).

Aparentemente, não encontramos apoio em Jesus, na interpretação dada por alguns ao texto “a tempo e a fora de tempo”, de Paulo (II Timóteo 4:2). O Mestre foi rigoroso, no seguimento da “hora de Deus”, a hora certa de fazer e a hora de não fazer. Até na atitude de pregar usando parábolas, Jesus levou a sério a “Sua hora”, chegará “a hora” do Seu sacrifício, Jesus, então, pregou abertamente sua missão de Filho do Deus vivo.

Em Atos 1:7-8, Jesus ressuscitado, após desencorajar a preocupação dos discípulos a respeito do tempo certo, ensinou-lhes m princípio que deve nos nortear ainda hoje: nosso bom testemunho de Cristo deve ser dado quando respeitamos a virtude e a orientação do Espírito Santo em nós. Ele os ensina o que diz, como dizer e quando dizer. Quando somos sensíveis ao Espírito de Cristo, aprendemos a pregar a Jesus, no tempo de Jesus.