Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Reflexões em 1 Coríntios - Abrindo mão dos direitos  |  Pastor Sérgio Fernandes

1 Coríntios 9:12 - Se outros participam deste poder sobre vós, por que não, e mais justamente, nós? Mas nós não usamos deste direito; antes suportamos tudo, para não pormos impedimento algum ao evangelho de Cristo.

Após defender o direito de receber dos coríntios o sustento pelo seu trabalho, o apóstolo Paulo afirma categoricamente que abriu mão disso para não atrapalhar a pregação do evangelho. Já que no capítulo anterior ele defende o fato de abrir mão dos direitos por causa da fé, aqui ele assina sua declaração com o seu exemplo de vida. Podendo ser sustentado pelos coríntios, ele se abdica desse direito, entendendo que naquela circunstância, isso seria melhor para o evangelho.

Que fique claro duas realidades presente no texto: (1) isso não significa que Paulo nunca tenha sido sustentado por alguma comunidade cristã, pelo contrário, entendemos pelas Escrituras que ele recebeu ajuda de algumas igrejas, como Filipos (Fp 1.4,5; 2.25; 4.14-19). Lembrem-se: o obreiro é digno do seu salário (Lc 10.7). (2) Haverá momentos na vida em que o cristão precisará abdicar de sua liberdade e mesmo de seus direitos, se isso produzir maior glória para Deus ou maior benefício para o evangelho.

Paulo abriu mão de ser sustentado pela igreja, e talvez Deus queira que você renuncie algo que muito lhe agrade para que isso o glorifique mais e lhe traga benefícios espirituais.

--------------------------------------

Siga-me no instagram @pastorserginho