Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Cristão “Dá A Palavra”  |  Pr. Olavo Feijó

Tiago 5:12 - ¶ Mas, sobretudo, meus irmãos, não jureis, nem pelo céu, nem pela terra, nem façais qualquer outro juramento; mas que a vossa palavra seja sim, sim, e não, não; para que não caiais em condenação.

Como parte do Sermão do Monte, no qual as bases éticas do cristianismo são explicadas, Jesus afirmou: “Mas eu lhes digo: não jurem de jeito nenhum” (Mateus 5:34). Reproduzindo aos discípulos os ensinos do Mestre, Tiago reafirmou: “Acima de tudo, meus irmãos, quando vocês prometerem alguma coisa, não jurem pelo céu, nem pela terra, nem por nada mais” (Tiago 5:12).

A segunda parte deste verso tem sido mal interpretada, quando Tiago diz “digam somente ‘sim’, quando for ‘sim’, e ‘não’, quando for ‘não’, para que Deus não os condene”. A interpretação inadequada deste texto recomenda: “crente não deve negociar, nem o negociável”, “não importa se os argumentos do outro forem válidos – crente nunca deve mudar nada, após ter dado sua palavra”. Tiago, na realidade, ensina que nós temos que meditar muito, antes de nos comprometermos, dando nossa palavra. Cristão não deve ser teimoso ou cabeça dura. O que devemos ser é coerentes e confiáveis.

No mundo atual, desenvolvemos a atitude de agradar os outros, custe o que custar – até a desonestidade. Damos nosso nome para realizar um projeto quando, lá no funda, sabemos que não vamos fazer. E não fazemos. As explicações furadas que damos quase ninguém discute, porque a maioria está fazendo o mesmo. O dizer ‘sim’ quando é sim e ‘não’ quando é não, significa compromisso, confiabilidade, honestidade. Nossas igrejas serviriam melhor nosso Mestre se seus membros levassem a sério o “dar a palavra”.