Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Reflexões em Tiago - Fé sem obras  |  Pastor Sérgio Fernandes

Tiago 2:14 - ¶ Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo?

Estudando o capítulo dois de Tiago, me deparei com o clássico texto da fé sem obras (Tg 2.14-26). Muitos acreditam que Tiago discorda de Paulo com respeito a doutrina da justificação, já que Paulo afirma que a justificação ocorre apenas pela fé, sem as obras (Rm 3.28), enquanto Tiago afirma que é por obras, e não apenas pela fé (Tg 2.24).

A questão é que Paulo e Tiago veem a fé de modo distinto. Para Paulo, a fé é aquela decisão viva e operante de seguir a Jesus Cristo e obedecer seus mandamentos, uma fé que não nos deixa mais viver na prática do pecado, uma fé que nos torna novas criaturas, criadas para as boas obras (Rm 6.1; Ef 2.8-10; 2 Co 5.17).

Tiago verifica que existe a fé inoperante (sem obras, morta, Tg 2.20) e a fé operante (fé que nos faz agir, Tg 2.22). Esta fé operante é exatamente a mesma defendida por Paulo. Esta fé: (1) nos faz confiar apenas em Cristo para salvação, (2) nos leva a viver, pelo poder do Espírito Santo, uma nova vida de amor, misericórdia e obediência a Deus e a Sua palavra (Jo 14.21-24, Ef 2.10).

Qual é a sua fé? A operante ou a inoperante?