Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Amor de Cristo É Plenitude  |  Pr. Olavo Feijó

Efésios 3:19 - E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.

Dizer que “Deus é amor” é mais do que uma definição teológica da 1ª. Carta de João. Seu conteúdo está acima da nossa compreensão. Por isso, Paulo nos ensina que o caminho é viver o amor de Cristo. “E conhecer o amor de Cristo que excede todo entendimento, para que vocês sejam cheios de toda a plenitude de Deus.” (Efésios 3:19).

O apóstolo Paulo usa um capítulo inteiro da sua Primeira Carta aos Coríntios só para descrever a extensão do amor como o dom maior do Espírito Santo. Quanto mais lemos sobre as dimensões do amor, mais vai ficando evidente a nossa incapacidade humana de amar. Por isso, o mesmo apóstolo afirma que “nós O amamos, porque Ele nos amou primeiro”. É uma postura de resposta. E de resposta profunda, autêntica, porque “o amor de Cristo nos constrange”.

A pergunta que Jesus fez a Pedro é a mesma que Ele nos faz, hoje em dia, cada vez que nós O negamos. A pergunta, que nos persegue é: “Tu me amas?”. A pergunta não é “tu Me entendes?”. A pergunta não é “Tu Me apoias?”. Uma vez. Duas vezes. Três vezes – e a pergunta é a mesma: “tu Me amas?”. Não há outra maneira bíblica de crescermos “na graça e no conhecimento da verdade”. Para que sejamos “cheios de toda plenitude de Deus” o único caminho é “conhecer, vivenciar o amor de Cristo.