Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Somos Nova Criatura  |  Pr. Olavo Feijó

2 Coríntios 5:17 - Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.

Ao falar com Nicodemus sobre a comunhão espiritual com o Senhor, Jesus usa a metáfora do “é necessário nascer de novo”. O apóstolo Paulo mais de uma vez utiliza a mesma ilustração, desenvolvendo o conceito da “nova criatura”: “E assim, se alguém está em Cristo é nova criatura: as coisas antigas já passaram, eis que tudo se fez novo” (II Coríntios 5:17).

Quando os escritos bíblicos enfocam o conceito da comunhão obediente com Deus, uma verdade é sempre sublinhada – o Senhor não remenda, não cola fragmentos, não se limita a dar uma mão de tinta. A história do vaso e do oleiro é bem típica: vaso defeituoso não é meramente “ajeitado”, mas é desmanchado e seu barro modelado novinho pelo oleiro.

As criaturas humanas, segundo a Bíblia, são criadas “à imagem e semelhança de Deus”. Todos os seres humanos têm o potencial de viver em coerência com o Criador da “semelhança”. E têm, também, o potencial de acreditar na falácia de Satanás, que nos ensina que ser “semelhante” é o mesmo que ser “idêntico”, isto é, “iguais a Deus”. Numa posição diametralmente oposta, ao ensinar que pela aceitação do Cristo o Senhor nos transforma em “filhos adotivos de Deus”, a Bíblia afirma inequivocadamente o senhorio divino. Em outras palavras, quando estamos “em Cristo”, viver uma vida “nova” nada mais é do que submeter-se ao velho plano do Senhor, que Ele estabeleceu “desde antes da criação do mundo”. A “nova criatura” é aquela pessoa que, pela fé e obediência a Cristo, começa a viver, na Terra, a existência da eternidade.