Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Celeiros Entulhados De Morte  |  Pr. Olavo Feijó

Lucas 12:20 - Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?

Jesus contou uma parábola na qual um fazendeiro, após conseguir uma colheita excepcionalmente grande, achou que todos os seus problemas tivessem encontrado solução. Por exemplo, derrubou os celeiros antigos e construiu outros maiores. Depois, olhando para tanta riqueza, realmente acreditou que nunca mais passaria por necessidades. Neste ponto, Jesus acrescentou: “Meu Deus disse-lhe: Insensato, esta noite te exigirão a tua alma; e as coisas que ajuntaste, para quem serão?” (Lucas 12:20).

Encontramos, pelo menos, duas ênfases nos ensinos de Jesus. A primeira nos chama a atenção para a fragilidade e incerteza de nossa vida terrena. Quanto à segunda, o Senhor nos revela a possibilidade imensurável de autorrealização, quando aceitamos a soberania divina. Nossos plano terrenos são naturalmente limitados e falhos.

A Bíblia não nos ensina falta de responsabilidade para com o futuro. Ainda que nosso futuro esteja garantido pelo Senhor, não somos obrigados por Ele a assinar o contrato para a eternidade dos Novos Céus e da Nova Terra. A decisão tem que ser nossa. E a Palavra esclarece que é nossa obrigação ler todas as cláusulas do contrato Deus/Eu. Não temos liberdade de redigir os termos contratuais. Nossa liberdade se limita a rejeitar ou aceitar as bases bíblicas de nossa relação com o Senhor. Os celeiros de nossa vida espiritual foram feitos para ser entulhados de vida. Caso rejeitemos o Senhor, o entulho sempre será de morte.