Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Não Comer O Manjar Do Rei  |  Pr. Olavo Feijó

Daniel 1:8 - ¶ E Daniel propôs no seu coração não se contaminar com a porção das iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia; portanto pediu ao chefe dos eunucos que lhe permitisse não se contaminar.

Daniel e seus três compatriotas, apesar de escravos judeus, foram selecionados para trabalhar na corte do imperador Nabucodonosor. O preço da honraria seria ter que se alimentar das comidas do soberano, cujas carnes temperos não eram aprovados pela Lei de Moisés. Então, “Daniel decidiu no seu coração não se contaminar com a porção do manjar do Rei, nem com o vinho que ele bebia.” (Daniel 1:8).

A decisão de Daniel poderia significar perder todas as honrarias e privilégios recebidos do grande rei. Quem era ele, um jovem escravo estrangeiro, para declarar imunda a dieta real? Ele sabia perfeitamente bem que muitos milhares de pessoas dariam tudo, para poder estar no lugar dele. Afinal de contas, será que fazia algum sentido perder um ótimo emprego, só por lealdade ao seu Jeová, cujo templo em Jerusalém fora devastado?

Que preço estamos dispostos a pagar pelos privilégios que o mundo nos oferece? Enquanto não vamos para o céu, o jeito é viver nesta Terra, para onde Jeová nos enviou. Paulo recomenda: “se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens”. Por outro lado, ele acrescenta que devemos nos preocupar quando “todos falarem bem” de nós. Será que, espiritualmente, vale a pena trocar nossa primogenitura por um prato de lentilhas?