Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
O Amor Nunca Falha  |  Pr. Olavo Feijó

1 Coríntios 13:8 - ¶ O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;

O Apóstolo Paulo escreveu a mais detalhada revelação bíblica sobre o amor. Uma das características apontadas por ele diz: “O amor nunca falha” (I Coríntios 13:8).

A palavra “amor” tem sido excessivamente usada e abusada. Amor passou a ser sinônimo de gostar, de ter simpatia, de romantizar, de agir com sentimentalismo, de praticar sexo. A Bíblia diz que todas estas formas de “amor” não passam de postura do ser humano, quando entregue às suas paixões, ao seu egoísmo, à sua atitude neurótica de possessividade. Os relatos bíblicos que descrevem a postura meramente humana do amor terminam sempre mostrando que o amor paixão falha. Não tem estabilidade emocional.

Não é por acaso que o amor descrito por Paulo “nunca falha”. O amor descrito na Primeira Carta aos Coríntios não se origina da natureza humana. Ele é um dos dons do Espírito Santo. Mais até: de todos os dons oferecidos pelo Espírito, o amor é o maior. Por isso, ao nos revestirmos do amor dado pelo Espírito, passamos a compartilhar da essência do Senhor. Porque “Deus é amor” e o Senhor é onipotente, o amor não pode falhar. Quando aceitamos o amor de Cristo, descobrimos que ele não falha nos relacionamentos, no trabalho profissional, na vida escolar, no nosso corpo, na nossa saúde, na vida da igreja. Nossa natureza humana falha. Quando, entretanto, nossa natureza é dominada pelo amor que vem de Cristo, esse amor “em Cristo” nunca falha.