Ordem Alfabética: A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z   #
Nós, Também, Vamos Desaparecer  |  Pr. Olavo Feijó

Gênesis 5:24 - E andou Enoque com Deus; e não apareceu mais, porquanto Deus para si o tomou.

No meio da relação monótona de casamentos, filhos e filhas, na genealogia de Adão, ressalta uma informação inesperada, que nos leva a pensar. Trata-se de Enoque: “Ele viveu sempre em comunhão com Deus e um dia desapareceu, pois Deus o levou” (Gênesis 5:24).

Há pessoas, cujo desaparecimento causa alívio e, até, alegria, entre os seus conhecidos. Já outras pessoas, quando “desaparecem”, fazem falta à sua comunidade e levam as pessoas a lamentar sua ausência. É preciso lembrar, também, que o tempo e o modo do desaparecimento conseguem mexer com nosso emocional. Até hoje, continua realmente sem resposta a pergunta: “por que a morte desta pessoa, no meio de tantos que só vivem fazendo mal?”. No caso de Enoque, o texto nos oferece uma explicação muito rápida: “ele viveu sempre em comunhão com Deus...”.

Nossa caminhada com Deus, aqui na Terra, tem o que aprender com a experiência de Enoque. “Andar com Deus”, na linguagem do Novo Testamento, é “viver pela fé”. Escrevendo aos Gálatas, explica Paulo: “viverá aquele que, por meio da fé, é aceito por Deus”. Somos diferentes de Enoque, porque ele não morreu e foi sepultado. Nós teremos a experiência da morte. Isto, entretanto, nada impede o nosso viver com Deus. E pela fé em Cristo. Se aqui, no mundo, desenvolvemos o prazer de comungar com o Senhor, ser levado por Ele, um desses dias, será nossa grande alegria!